16 de fevereiro de 2009

De Cada 10…

Ézio Pereira da Silva

Sabemos que “De cada 10 pessoas no mundo, 10 morrem” *. Essa é uma verdade incontestável e inegável. Já é ponto pacífico entre todas as pessoas. Todos estão de acordo com essa afirmação, mesmo que ela não seja agradável para muita gente (alguns desejariam ser eternos aqui na terra).

Alguém já falou, também, que “De cada 10 pessoas no mundo, 10 precisam de Jesus”. Essa é outra verdade. Mesmo sem haver unanimidade quanto ela, é mais real e forte que a primeira. Explico!

“Quem não nascer de novo não pode ver o Reino de Deus” (Evangelho de João, capítulo 3, versículo 3 – Bíblia Sagrada). Essas palavras foram ditas por Jesus – fazem parte de seus ensinamentos. Esse ensino implica em que a pessoa que nasce apenas uma única vez, morre duas vezes. Jesus continua esse ensino no versículo 16, do mesmo capítulo dizendo: “… Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”.

Entrar no Reino de Deus significa nascer de novo; é viver eternamente; é ter, é possuir a vida eterna. Não perecer significa não morrer espiritualmente. Quem nasce de novo, adquire a vida eterna. Esse ensino absolutamente nada tem a ver com a doutrina da reencarnação.

Ninguém nasce fisicamente duas vezes. Jesus afirma, ainda, no versículo 5: “… quem não nascer da água e do Espírito não pode entrar no Reino de Deus”. Significa nascer, a primeira vez, no corpo físico; e a segunda vez, no espírito. O nascimento ao qual Jesus se refere é o nascimento espiritual.

Dessa forma, quem nasce só uma vez (o nascimento físico), mas não nasce outra vez (o nascimento espiritual), morre duas vezes: a morte física e a morte espiritual. Ou seja: morre uma vez, fisicamente e, depois, morre outra vez, espiritualmente. Será eternamente separado de Deus. Essa é a morte espiritual; a morte eterna.

De outra maneira, quem nasce duas vezes (o nascimento físico e o nascimento espiritual) morre apenas uma vez, a morte física; porque viverá eternamente com Deus. A Bíblia Sagrada é farta nesse ensinamento.

Voltando, então, à citação do segundo parágrafo: “De cada 10 pessoas no mundo, 10 precisam de Jesus”. A razão dessa afirmação é: todas as pessoas que desejarem ser salvas e possuir a vida eterna 
precisam reconhecer e receber Jesus Cristo em suas vidas, como Senhor e Salvador.

A base para isso são as seguintes palavras de Jesus: “Eu sou o caminho, e a verdade e a vida; ninguém vem ao Pai senão por mim” (Evangelho de João, capítulo 14, versículo 6). Ele é singular; é o único; não há segunda opção, nem alternativa.

Quanto a eu dizer que a afirmação “De cada 10 pessoas no mundo, 10 precisam de Jesus” é mais real e forte que “De cada 10 pessoas no mundo, 10 morrem”, é pelo fato de que nem todos morrerão, mesmo fisicamente, quando Jesus voltar à terra.

Entretanto, nem sequer uma pessoa no mundo pode prescindir de Jesus, se quiser ser salvo e possuir a vida eterna. Qualquer pessoa normal, inteligente e sábia logo perceberá isso ao ler.
 
*Frase citada do Blog: mauevivian.blogspot.com/